O QUE É SER VEGETARIANO?

Ter como princípio não comer produtos que implicam na morte de qualquer Ser do Reino Animal.

Não comer qualquer tipo de carne: boi, frango, peixe, porco, cabrito, aves, frutos do mar…

Anúncios

QUAIS OS BENEFÍCIOS DE UMA ALIMENTAÇÃO VEGETARIANA?

1)PARA A SAÚDE

a) O SISTEMA IMUNOLÓGICO – sangue ácido X sangue alcalino

O pH do sangue humano está entre 7,36 a 7,42, levemente alcalino.

Alimentos que acidificam o sangue: carnes, ovos, leite e derivados, embutidos e enlatados, frituras, margarina (gordura vegetal hidrogenada ou TRANS), alimentos congelados, chá preto, café, guaraná, cacau, chimarrão, alimentos refinados, alimentos industrializados, açúcar branco, bebidas alcoólicas e gasosas, refrigerantes…

Alimentos que alcalinizam o sangue: frutas frescas e secas, sementes, germinados, brotos, raízes, legumes e hortaliças (principalmente orgânicos).

b) FIBRAS

Regula o funcionamento intestinal, promove maior saciedade, ajuda na absorção de gorduras e toxinas.

Previne diabetes, obesidade, cânceres e doenças cardiovasculares.

Maior consumo entre os vegetarianos.

Os alimentos de origem animal não são fontes de fibras.

c) ANTIOXIDANTES

Combatem os efeitos do excesso de radicais livres no organismo, ou seja o envelhecimento precoce.

A Carne = pró-oxidante

Alimentos antioxidantes: frutas e vegetais frescos, brotos e germinados, chá verde, aveia, azeite de oliva…

2) PARA O MEIO AMBIENTE

  • A produção de gado, é um dos principais fatores que contribuem para a escassez de água, a poluição dos rios e lençóis freáticos, o esgotamento dos combustíveis fósseis e a perda de biodiversidade.
  • A agropecuária contribui mais para o aquecimento global do que os meios de transporte (FAO).
  • 17 das maiores áreas de pesca do mundo estão esgotadas ou próximas do limite de sua capacidade natural. As reservas biológicas e a biodiversidade marinhas estão comprometidas por causa da pesca predatória.
  • O Brasil possui o maior rebanho comercial do mundo, que necessita de uma área de pastagem de no mínimo, 200 milhões de hectares para ser sustentado (= ¼ do território nacional).
  • Cerca de 80% de todo o desmatamento e desaparecimento de florestas no planeta deve-se à pecuária.
  • Uma fazenda com 5 mil bovinos produz a mesma quantidade de dejetos que uma cidade com 50 mil habitantes.

LITROS DE ÁGUA UTILIZADOS PARA PRODUZIR 1KG DE ALIMENTOS

TOMATE = 39

FRANGO = 1397

TRIGO = 42

PORCO = 2794

FEIJÃO = 195

BOI = 8931

3) PARA OS ANIMAIS

Cada um que se torna vegetariano salva anualmente 35 animais de viverem amontoados em gaiolas, de serem mutilados, drogados e abatidos cruelmente pelos homens.

Se um indivíduo deixa de comer carne, ao longo de 20 anos terá poupado cerca de 700 animais.

Além dos animais para o consumo, contribui para morte e até a extinção de outros animais.

Livre uma vaca vive até 25 anos, escravizada raramente passa de 5 anos. Naturalmente uma vaca produz 5 litros de leite por dia, presa e entupida de drogas produz 60 litros de leite por dia.

No momento do abate o animal sente medo e raiva e passa para a carne essa substância.

Mais informações podem ser obtidas nos documentários: A Carne é Fraca; Não Matarás e Terráqueos, que podem ser baixados no site

TIPOS DE DIETAS

Ovolactovegetariana: utilizam ovos, laticínios, cereais, grãos, leguminosas, oleaginosas, sementes, frutas e hortaliças.

Lactovegetariana: utilizam laticínios, cereais, grãos, leguminosas, oleaginosas, sementes, frutas e hortaliças.

Vegana: utilizam cereais, grãos, leguminosas, oleaginosas, sementes, frutas e hortaliças. Não consome nenhum alimento derivado de animal (mel, ovos, leite e derivados) não utiliza nehum produto de origem animal (cosméticos, couro, lã, seda…).

ALIMENTAÇÃO VEGETARIANA É ADEQUADA NUTRICIONALMENTE?

A alimentação vegetariana bem planejada pode fornecer todos os nutrientes necessários para a saúde como qualquer Alimentação, a adequação nutricional dependerá da escolha dos alimentos que fornecem esses nutrientes.

Não é o uso de carne e nem de produtos derivados de animais que faz a diferença na obtenção de nutrientes, mas sim, a forma de escolher os alimentos é o que fará a sua alimentação mais ou menos adequada.quada.

RELATÓRIO DA ASSOCIAÇÃO DIETÉTICA AMERICANA

A primeira página do position paper da Associação Dietética Americana (ADA) sobre dietas vegetarianas diz o seguinte: dietas vegetarianas adequadamente planejadas (…) são saudáveis, nutricionalmente adequadas e podem fornecer benefícios para a saúde na prevenção e no tratamento de determinadas doenças. Dietas vegetarianas bem planejadas são adequadas a todos os estágios do ciclo vital, incluindo gravidez, lactação, infância, adolescência e atletas.

Outras renomadas instituições apóiam ou incentivam o vegetarianismo para reduzir o risco de doenças crônicas. É o caso da FAO/OMS, da American Heart Association (AHA), da Academia Americana de Pediatria (AAP), do departamento de Agricultura dos Estados Unidos (USDA), do World Cancer Reserach Fund (WCRF) entre outros. No Brasil, o próprio Ministério da Saúde, através do Guia Alimentar para a População Brasileira, publicado em 2005, declara que “uma alimentação vegetariana nutricionalmente adequada pode ser capaz de atender às necessidades nutricionais”.

Do ponto de vista de saúde, vários benefícios estão relacionados à adoção de uma dieta isenta de carnes e derivados. No position paper da ADA, encontram-se os seguintes dados sobre populações vegetarianas:

  • Menor risco de morte por doença isquêmica do coração
  • Níveis sanguíneos de colesterol mais baixos
  • Menor IMC e redução na incidência de obesidade
  • Incidência mais baixa de hipertensão
  • Redução do risco de apresentar diverticulite
  • Menor risco de desenvolver diabetes
  • Menor probabilidade de desenvolver cálculos biliares

O consumo de carne, vermelha ou branca, está associado com um risco maior de se desenvolver alguns tipos de câncer, como de cólon e de próstata.

Mais informações podem ser obtidas no site da ADA (www.eatright.org) ou no site da Sociedade Vegetaria Brasileira (www.svb.org.br).